Notícias

Na 5ª feira, 20 de junho, após a manifestação de mais de 1 milhão de cidadãos, a cidade do Rio de Janeiro foi palco de múltiplas manifestações de violência

Servidores e estudantes da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) fizeram no último 24 de janeiro mais uma manifestação de apoio à instituição, que sofre com a falta de recursos e ameaças de privatização.

Investimentos públicos e prejuízos idem. Leia análise de Helena Galiza e Raquel Rolnik:

Observando de Perto

MARÉ

Bairro composto por dezesseis comunidades, a Maré se configura enquanto uma das localidades mais conflituosas da cidade. Seus conflitos revelam práticas de um nível de violência estatal e para-estatal raro de se observar em outros locais do Rio. Tanques, caveirões, fuzis fazem parte da cena cotidiana com crescente frequência, tornando a favela verdadeiro símbolo tanto da letalidade das ações violentas quanto da resistência de seus moradores, motivando sua inserção aqui no Observando de Perto.